segunda-feira, 1 de julho de 2013

Quando tenho asas




Para Rebeca Sales Viana

Quando tenho asas
Me reconheces
Quando tenho asas
Vens a mim
Quando tenho asas
Queres voar comigo
Quando tenho asas
Falas que sou seu homem
Quando tenho asas
Alcanço seus infinitos
Quando tenho asas
Me exibes sua tatuagem dileta
Quando tenho asas
Nada te veste
Só os tecidos dos meus desejos. (02/07/11)



Um comentário:

  1. Tudo tão lindo por aqui.
    Assim é a poesia...voa e ganha mundos.
    beijo grande

    ResponderExcluir